Enquete

Qual é sua avaliação do Governo do Estado com os funcionários públicos?

Otimo

Bom

Regular

Péssimo

 

Aprenda a escolher o melhor roteador Wi-Fi (03/11/2018)


  • Na hora de comprar um roteador sem fio, duas características principais devem ser observadas: velocidade de acesso e poder de alcance do equipamento. Do ponto de vista da segurança, dá para dizer que todos são equivalentes. Ou seja, com uma configuração bem-feita e com senhas fortes todos os roteadores disponíveis no mercado apresentam praticamente o mesmo padrão de segurança. 

    Falando da velocidade, é primeiro lembrar a relação que existe entre a velocidade do seu aparelho e a velocidade da sua conexão com a internet.

    Ou seja, o seu roteador só vai ser um problema se for mais antiguinho.

    Se você nunca ouviu falar desses padrões, a gente explica. O primeiro a se tornar popular foi o padrão "G", que oferecia velocidade de até 54 megabits por segundo. Em seguida, veio o padrão “N”, atingindo os 300 megabits por segundo. Alguns modelos do padrão “N” trazem a tecnologia MIMO embarcada, o que pode dobrar a velocidade oferecida para o padrão, chegando aos 600 megabits por segundo.

    A tecnologia MIMO reúne técnicas de transmissão para sistemas sem fio com múltiplas antenas de transmissão e recepção. Para trafegar informações em canais paralelos, o roteador Wi-Fi "MIMO" traz mais de uma antena instalada, o que aumenta a velocidade e a estabilidade da conexão. Nem sempre as antenas são visíveis, mas é importante saber quantas existem.

    Para avaliar o poder de transmissão da antena do roteador, há uma informação normalmente exposta na caixa do produto. O valor é medido pela unidade “dBi”, que define o alcance do sinal de transmissão de dados. Assim, quanto maior a potência indicada, maior será a área abrangida pelo dispositivo.

Copyright © SINDFESP - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por E-Assis