Enquete

Qual seu candidato para governar o Estado de São Paulo nos próximos 4 anos?

Edson Dorta (PCO – 29)

João Doria (PSDB -45)

Luiz Marinho (PT – 13)

Major Costa e Silva (DC – 27)

Marcelo Candido (PDT -12)

Marcio França (PSC – 40)

Paulo Skaf (MDB – 15)

Prof. Claudio Fernando (PMN – 33)

Profª Lisete (PSOL – 50)

Rodrigo Tavares (PRTB – 28)

Rogerio Chequer (NOVO – 30)

 

José Luiz Datena é entrevistado no Roda Viva - Bloco 1 (30/11/2012)

  • Apresentador participou do programa nesta segunda-feira, 21 de novembro, e falou sobre sua carreira, as críticas que seu programa recebe e outros assuntos.


  • Esteve no centro do Roda Viva o apresentador que diz que Jesus Cristo é o seu maior e único mestre; não tem nada contra os ateus; e fala o que pensa. Saiu da Rede Record e voltou para a Band justamente por gostar de falar o que vem à cabeça.

    José Luiz Datena considera-se "justo, brigão e espontâneo". “Faltaram condições de trabalho e não me deixaram fazer declarações na imprensa. A Record não fez esforço nenhum para que eu ficasse lá. Eu até desconfio que fui para lá por questões judiciais”: é assim que justifica sua saída da emissora do bispo.

    Sobre a política no Brasil: “Não sou politico e nem corrupto”. José Luiz Datena chegou a filiar-se ao PT, mas não prosseguiu: “Ainda bem que não virei político”. Para ele, a presidente Dilma não é apena um produto do ex-presidente Lula, e afirma que fala sobre ela sempre no seu programa.

    O apresentador da TV Bandeirantes considera o sistema penitenciário "um lixo, [que] não reforma ninguém”. Também não é a favor da pena de morte e admite que fumou maconha duas vezes.

    José Luiz Datena é entrevistado no Roda Viva Bloco 2

    José Luiz Datena é entrevistado no Roda Viva Bloco 3

Copyright © SINDFESP - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por E-Assis