SINDFESP - SINDICATO DOS FUNCIONÁRIOS DA FAZENDA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017
FILIE-SE
 

Moral: silêncio e aliança com acusados de corrupção para... combater a corrupção (10/08/2015)

  • <iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/embed/NDloPdQLJdg" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

    Moral: silêncio e aliança com acusados de corrupção para… combater a corrupção
    10/08/2015
    Por décadas, em ascensão, o PT encarnou a esperança. Milhões ascenderam com o PT e Lula deixou o Poder com 87% de aprovação.
    Hoje o PT encarna a desesperança. Usuário da questão moral quando Oposição, no Poder o PT deixou que roubassem, e muitos dos seus roubaram.
    Não importa se para si ou para campanhas. Roubaram e deixaram roubar.
    Liderado por Covas, o PSDB encarnou a esperança. O início da Era Fernando Henrique Cardoso consolidou a estabilização da economia.
    Para aprovar a reeleição, deputados e votos foram comprados. Teve quem roubou nas bilionárias privatizações. E deixaram roubar, muito. Não investigaram nada pra valer.
    O PSDB valeu-se, e ainda se vale, da questão moral. Por trair também esse discurso, o PSDB foi derrotado nas últimas 4 eleições presidenciais.
    PT e PSDB sucederam a Era PFL/PMDB. Que além da Economia, também na corrupção naufragou.
    Corrupção nunca investigada pra valer foi fator decisivo na derrubada da ditadura grotesca. Que nasceu e morreu nas ruas, com multidões bradando contra corruptos.
    Sócia e herdeira dessa História, uma porção da oposição quer a queda do atual governo. E tanto faz se de forma estritamente legal, moral, ou se num golpe de mão ou sem mão.
    Essa oposição tem porta-vozes, os de sempre. E conta com a desesperança. A natural, nascida de fatos objetivos, como a corrupção. E a induzida, gerada na ignorância, preconceito e ódios.
    O PT traiu seu discurso. Também ao acovardar-se e não debater, democraticamente, regras econômicas que assegurem comunicação de massa plural...
    Eduardo Cunha é acusado de receber propina de US$ 5 milhões. Renan Calheiros já é réu. Esse PMDB, e donos das vozes, comandam o processo político.
    Milhões sabem quem são Eduardo, Renan & Cia. E milhões silenciam. São aliados de Cunha & Cia no combate ao governo e PT... valendo-se da questão moral.
    Impõe-se outra intrigante questão moral: por que, revivendo essa longa História, silenciar e aliar-se a acusados de corrupção em nome... do combate à corrupção?

Copyright © SINDFESP - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por E-Assis